Home»Cidade»Covid-19: Há um mês, cidade confirmava 1º caso

Covid-19: Há um mês, cidade confirmava 1º caso

O último boletim divulgado pela Secretaria de Saúde mostra 30 casos confirmados do novo coronavírus

0
Shares
Pinterest WhatsApp

Em 30 de março, Mogi Guaçu registrou o primeiro caso da Covid-19. À época havia também 28 notificações e um óbito suspeito. Neste período, os números da doença só evoluíram. Houve também o registro de uma morte confirmada e mortes suspeitas. O total de notificações saltou para 150, que representa uma média de cinco notificações por dia. No decorrer deste período, foram ampliados os decretos estadual e municipal que preveem o isolamento social até 10 de maio.

O lado positivo destes dados é o número de curados, que é de 24. Com isto, dos 30 positivos (até dia 29), um morreu e 18 estão internados. A questão é destes internados, três seguem na UTI (Unidade de Terapia Intensiva). A Secretaria Municipal de Saúde tem colocado, através dos profissionais que participam das transmissões diárias sobre os casos, que a permanência na UTI tem sido superior a 10 dias.

A primeira morte em decorrência da Covid-19 foi de um idoso de 83 anos. Ele morreu no último dia 8. E os dados apontam que tenha sido contaminado pelo novo coronavírus em viagem a São Paulo, onde foi visitar a enteada.

30 casos

Mais dois casos positivos da Covid-19 foram incluídos no relatório diário divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde de Mogi Guaçu, nesta quarta-feira (29). Trata-se de uma empresária e uma profissional de saúde, ambas com 34 anos, residentes em Mogi Mirim. As duas estão internadas em enfermaria. Com isto, chegou a 30 o total de casos positivos.

O total de notificações é de 156, seis a mais que o registrado na terça-feira (28). Deste total, 135 residem em Mogi Guaçu e 21 são de outros municípios. Os dados apontam 107 casos negativos, 30 positivos, 19 suspeitos, um óbito positivo e 18 internados. Dos 30 positivos, 24 estão curados. Há dois óbitos suspeitos, incluindo o caso da criança de seis anos.

Dos 30 casos positivos, 13 são de profissionais da Saúde. “Isto nos dá uma noção de como o profissional está exposto, apesar de todos os treinamentos e ações que desenvolvemos”, pontuou a secretária municipal de Saúde, Clara Alice Franco de Almeida Carvalho. Três profissionais não apresentaram nenhum sintoma de gripe, mas fizeram o teste porque tiveram contato com profissionais que testaram positivo para a Covid-19.

Ainda dentro dos 30 positivos, Mogi Guaçu tem três casos de Mogi Mirim, um de Estiva Gerbi e outro de São Paulo. Com isto, o município soma 25 casos positivos de pessoas que moram em Mogi Guaçu. Os demais são de outras cidades, mas buscaram atendimentos nos hospitais locais, são eles: São Francisco e Hospital Municipal “Dr. Tabajara Ramos”. A Santa Casa não tem pacientes internados com suspeita do novo coronavírus. Mogi Mirim contabiliza 10 casos positivos de Covid-19, Itapira 20 e Estiva Gerbi um único caso até esta quarta-feira (29).

Previous post

Só embalagens: IP vende três fábricas para a Klabin

Next post

Tome Nota da edição de quinta, dia 30