Home»Política»Executivo: Rodrigo e Tuckumantel formam chapa

Executivo: Rodrigo e Tuckumantel formam chapa

A chapa majoritária foi confirmada na tarde da última quinta-feira (3) num evento com o deputado federal Arnaldo Jardim

0
Shares
Pinterest WhatsApp

O suspense sobre quem seria o pré-candidato a vice-prefeito do pré-candidato a prefeito Rodrigo Falsetti (Cidadania) acabou na tarde da última quinta-feira (3). Um evento foi realizado num hotel da cidade para oficializar a dobradinha para as eleições 2020. O presidente da Câmara recebeu amigos, filiados, vereadores, empresários e o deputado federal Arnaldo Jardim (Cidadania), que avalizou a chapa majoritária da coligação Cidadania, PSDB, PROS, PV e PSD.

O major aposentado da PM Marcos Tuckumantel (PSDB) foi o escolhido do grupo para ser o pré-candidato na chapa com Rodrigo Falsetti. A escolha, segundo o próprio pré-candidato a prefeito, não foi fácil. O vereador Natalino Tony Silva (PSDB) era apontado também como favorito do grupo. “A escolha do vice foi muito difícil e a escolha foi feita ouvindo todo mundo. O Natalino é vereador e morador do Zaniboni e sempre lutou pela sua região mesmo antes de ser vereador. Ele se colocou à disposição do grupo e seria um grande vice-prefeito”, comentou ao explicar como foi a definição do companheiro de chapa ao também comentar sobre o major Tuckumantel. “O major é um cara honesto, íntegro, filho da dona Nair Tuckumantel, uma líder da melhor idade. Conheço o major há muito tempo”.

E coube ao pré-candidato a prefeito explicar a escolha do grupo. “O Natalino entendeu que por ser soldado do Legislativo não poderia sacrificar o time de vereadores. A nossa decisão foi difícil, mas quero anunciar que o nosso pré-candidato a vice-prefeito veio e não pediu nada em troca. Até porque já deixamos claro que não negociamos cargo. Major, quero dizer que a caminhada não é fácil, mas nós temos muita disposição”, anunciou Rodrigo Falsetti.

O pré-candidato a prefeito fez questão de ressaltar que nenhum cargo comissionado da Administração Municipal comandada pelo prefeito Walter Caveanha (PTB) será mantido, caso ele seja eleito. “Não tenho vínculo com ninguém. Ninguém do grupo do Walter permanece comigo”, garantiu Rodrigo.

Sobre a parceria com o major Marcos Tuckumantel, o pré-candidato a prefeito disse que terá um vice atuante e que ajudará a governar a cidade. “Sou apaixonado pela cidade e vamos trabalhar por uma cidade melhor e mais justa. Você vai ser um vice que vai trabalhar com o prefeito, principalmente em ajudar a buscar recursos nos governos Estadual e Federal, pois esse trabalho será primordial”, ressaltou ao confirmar que o pré-candidato a vice-prefeito não terá cargo de secretário, pois cumprirá sua função como vice.

Por sua vez, o pré-candidato a vice-prefeito elogiou o trabalho que vem sendo feito por Rodrigo como vereador e presidente da Câmara. “É uma alegria estar fazendo parte do time do Rodrigo, que é um jovem credenciado para ser o melhor prefeito de Mogi Guaçu. Ele já mostrou que tem capacidade de realização e de liderança ao conseguir ficar com a maioria dos vereadores do seu lado”, comentou ao citar o apoio dos cinco vereadores: Natalino, Jéferson Luís da Silva (PSDB), Fábio Aparecido Luduvirge Fileti, o Fabinho (PSDB), Guilherme de Sousa Campos, o Guilherme da Farmácia (Cidadania) e Luíz Carlos Nogueira, o Carlos Kapa (Cidadania).

Major Tuckumantel ressaltou que irão trabalhar juntos em prol de Mogi Guaçu e citou a geração de empregos e o enxugamento da máquina pública, inclusive com análise detalhada dos contratos para a prestação dos serviços. “Eu vou ajudar o Rodrigo a mudar esse cenário atual e quero ser um vice que irá fiscalizar os serviços públicos, as obras em andamento e não irá me faltar disposição. Quero ser um fiscal do erário público”.

Deputado

O deputado federal Arnaldo Jardim endossou o apoio à chapa majoritária encabeçada pelo Cidadania e reforçou que o partido está à disposição para ajudar a cidade. “Eu tenho acompanhado de perto o trabalho do Rodrigo e gosto muito do que ele defende, pois Mogi Guaçu irá precisar de um impacto na máquina pública. Essa campanha da geração de emprego é também o que eu apoio. O Cidadania irá priorizar essa campanha e vou estar presente e sei que Mogi Guaçu precisa de mudança e de um choque de gestão”, reforçou.

Previous post

Academia: Administradora se sente segura com retorno

Next post

Cláudia e Márcio repetem a dobradinha de 2016