Home»Cidade»Mogi Guaçu receberá R$ 1,2 milhão para combate ao coronavírus

Mogi Guaçu receberá R$ 1,2 milhão para combate ao coronavírus

Mogi Guaçu poderá usar o recurso para a instalação de centros de triagem, como a UPA do Jardim Santa Marta

0
Shares
Pinterest WhatsApp

Mogi Guaçu está incluída entre os 80 municípios do Estado que receberá verba do Governo Estadual para enfrentamento ao novo coronavírus. A liberação dos recursos foi anunciada na última quinta-feira (26) pelo governador João Doria. Dos municípios da região que tem de 100 mil a 300 mil habitantes, apenas Mogi Guaçu integra a lista dos beneficiados com o repasse.

O Estado repassará um total de R$ 218 milhões para cidades paulistas com mais de 100 mil habitantes. O dinheiro começa a ser transferido aos municípios para instalação de centros de referência e hospitais de campanha. Em entrevista coletiva, Doria explicou sobre a seleção dos municípios. “Estas cidades foram escolhidas para ser referência médica e hospitalar”, disse o governador.

As cidades mais populosas foram priorizadas porque já são polos regionais em atendimento de saúde. Ontem (30), o Governo de São Paulo confirmou um terceiro repasse geral para atendimento de todos os demais municípios do Estado.

A divisão dos recursos será feita por critério demográfico – quanto maior a população, maior o repasse – e referenciada no piso de atenção básica do SUS, que é de R$ 4. Serão três faixas populacionais de repasses referenciados em pisos de R$ 8, R$ 10 e R$ 12 por habitante.

Mogi Guaçu está incluída na lista das 55 cidades com população entre 100 mil e 300 mil habitantes e receberá R$ 8 por habitante. O dinheiro será usado para instalação de centros de triagem e atendimento a casos suspeitos de coronavírus, além da realização de testes.

Nas 16 cidades com população entre 300 mil e 500 mil pessoas, o valor de referência sobe para R$ 10 por habitante. Nas nove cidades paulistas com mais de 500 mil habitantes, o valor de referência sobe para R$ 12 por pessoa. (Com informações da assessoria de imprensa do Governo do Estado de São Paulo)

Previous post

Em 15 dias, Exército apresenta projeto para construção de ponte

Next post

Falta gás na quarentena e valor aumenta