Home»Destaque na Home»Sindiçu convoca servidores para panelaço

Sindiçu convoca servidores para panelaço

0
Shares
Pinterest WhatsApp

 A falta de acordo com a Prefeitura de Mogi Guaçu tem mobilizado os diretores do Sindiçu (Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Mogi Guaçu e Região). Eles agendaram para esta segunda-feira (1º), a partir das 17h00, um panelaço em frente à Câmara Municipal.

Na ocasião, o presidente do Sindiçu, Valdomiro Sutério, o Miro, quer explicar aos funcionários a proposta do prefeito Walter Caveanha (PTB). Ele propôs repassar para os servidores o índice da inflação de 3,94%, mas de forma parcelada. O repasse de 2% de reajuste seria a partir de março, data base da categoria, e os outros 1,94% em setembro. O Sindiçu pediu 11% de reajuste, sendo o repasse da inflação, mais as perdas dos anos anteriores mais aumento real.

“Já informei à Prefeitura que não aceitamos o reajuste desta forma. Pode até ser que o servidor aceite o índice proposto, mas não parcelado. Já ficamos sem aumento no ano passado”, comentou Miro.

Ele disse que nenhuma das propostas apresentadas pelo Sindiçu foi aceita pela Prefeitura, que quer manter o acordo do ano passado, principalmente com relação ao banco de horas e o pagamento das horas extras. “Eles querem manter o que já vem fazendo, ou seja, paga o que eles acham que deve pagar”, queixou-se Miro.

Sobre qual justificativa foi dada pelos secretários para o parcelamento da inflação, Miro disse que nenhuma. “O Roberto (Simoni) fala que não é possível e não presenta nenhum argumento concreto”.

Por conta da falta de acordo, a direção do Sindiçu tem convocado os servidores públicos para que eles compareçam à Câmara nesta segunda-feira. Miro reforçou que o panelaço tem o objetivo de mostrar para a Prefeitura o posicionamento da categoria. Além disso, eles buscam apoio dos vereadores, uma vez que ele teme que o prefeito envie o projeto que autoriza o reajuste para aprovação, mas sem o consentimento dos servidores. “Vamos mostrar a nossa força e que não aceitamos a proposta. Vamos pressionar o prefeito a atender nossas reivindicações e atender a uma comissão de servidores”.

Previous post

ANIVERSÁRIO DA CIDADE: Concertos e desfile estão na comemoração dos 142 anos

Next post

EM DESTAQUE PET, 30 de março de 2019