Home»Cidade»Use máscara: Mogi reforça campanha de conscientização

Use máscara: Mogi reforça campanha de conscientização

0
Shares
Pinterest WhatsApp

Da Redação 

A Secretaria de Relações Institucionais iniciou neste mês a campanha #MogiDeMáscara, visando à conscientização da população sobre a importância do uso de máscaras na contenção do coronavírus. Nos últimos dias, com a diminuição no índice de isolamento social na cidade e o anúncio da prorrogação da quarentena pelo governo estadual até 31 de maio, as atividades de publicidade se intensificaram. Além das propagandas em mídias digitais e publicações nos jornais locais, as ações de divulgação também passaram a incluir a disposição de faixas e outdoors em áreas de intensa movimentação de pessoas e veículos, e nas entradas e saídas do município.

Com dizeres alusivos à diminuição das chances de contágio mediante uso do apetrecho, 7 outdoors foram confeccionados e estão expostos em pontos estratégicos desde o dia 2 de maio. Por sua vez, são 10 as faixas dispostas por todas as regiões da cidade, transmitindo mensagens sobre a necessidade do uso da proteção pelo cidadão sempre que sair de casa, enfatizando que a atitude ajuda a salvar vidas.

Até os bustos monumentais da cidade entraram na ação. Buscando chamar a atenção da população sobre a importância do uso do apetrecho, bem como a sensibilizar através do envolvimento de figuras históricas, máscaras foram colocadas nas estátuas de Rui Barbosa, Coronel Chico Venâncio, Francisco Cardona e do Soldado Constitucionalista, imagem anônima que homenageia os combatentes de 1932.

O uso de máscaras é obrigatório em Mogi Mirim desde 5 de maio, conforme estipula o Decreto 8.118 assinado pelo prefeito Carlos Nelson Bueno. Para auxiliar na adoção da medida, o Fundo Social confecciona máscaras de tecido e efetua a distribuição aos CRAS, CREAS, famílias de baixa renda e entidades assistenciais do município.

Equipes da Vigilância em Saúde também operam com distribuição do item e orientação sobre a maneira correta de usá-lo.

Previous post

GAZETA GUAÇUANA, 9 de maio de 2020

Next post

Mogi Guaçu tem 42 casos positivos de covid-19