Home»Cidade»Visa e GCM fiscalizam cumprimento de decreto

Visa e GCM fiscalizam cumprimento de decreto

0
Shares
Pinterest WhatsApp

Os comércios de Mogi Guaçu considerados essenciais e que estão abertos como mercados, supermercados, padarias, agropecuárias, farmácias, lojas de conveniência, lotéricas e bancos, estão sendo fiscalizados pela Vigilância Sanitária (Visa) em conjunto com a Guarda Civil Municipal desde a última quinta-feira (23). O objetivo da ação é constatar se as medidas de segurança estabelecidas no decreto municipal 24.415/2020 para que estes estabelecimentos permanecessem em funcionamento estão sendo seguidas.

O distanciamento entre uma pessoa e outra nas filas dos caixas e formadas do lado de fora do estabelecimento, à higienização constante de objetos como carrinhos, cestas e máquinas de cartão, a disponibilidade de álcool em gel para uso dos consumidores, a limitação do número de pessoas no interior do local, a limpeza dos sanitários e a suspenção das degustações, são algumas das exigências que devem ser cumpridas para evitar a propagação do novo coronavírus. Além disso, em casos de supermercados, por exemplo, é necessário haver informativos de que apenas uma pessoa por família pode acessar o interior da loja. O atendimento feito aos idosos também é alvo da vistoria que verifica se horários diferenciados estão sendo disponibilizados para o atendimento desse público que pertence ao grupo de risco da Covid-19.

Segundo, a coordenadora da Visa, Vivian Delalibera de Souza Custódio, em um primeiro momento, o comerciante que estiver descumprindo as normas será orientado, dependendo da situação. “Se houver reincidência e for constatada mais irregularidades sanitárias vamos tomar outras medidas como advertir, multar e até mesmo interditar o estabelecimento”, esclareceu a coordenadora.

Previous post

Município soma 26 casos positivos com 18 curados

Next post

Artigo: Bolsonaro e as acusações de Moro